Quinta-feira, 27 de Março de 2014

Eu sei…

 

 

 

 que “aquela mensagem” que nunca devia ter existido, veio prolongar no tempo algo que hoje, reconheço que podia e devia ter ficado por ali, assim não foi, assim não houve a coragem de assumir essa decisão.

 

Tudo nesse dia podia ter sido diferente, hoje, de certeza que seria diferente, mas não foi assim, não é assim, restam as recordações de momentos de pura felicidade, de momentos em que os olhares doces e serenos se tocavam e se fundiam num só, de momentos em que houve sorrisos, abraços, gestos de carinho e de uma entrega intensa e apaixonada, agora, resta o sabor amargo de se ter perdido esse ensejo.

 

Não, não poderia dizer “espera” sem conseguir quantificar o que significava esse tempo de espera, não, não tinha o direito de exigir essa “espera”, até porque essa “espera” podia significar terem sido perdidos outros rumos, outras felicidades, outras paixões.

 

A nossa verdade foi sempre de nunca exigirmos nada um ao outro, foi de nunca ter existido uma promessa, foi de um profundo respeito mútuo, a nossa verdade foram muitas verdades numa só verdade, foram intensos os momentos que foram sentidos de uma forma única, que só se entende quando vivida e foi vivida.

 

Sabemos que não é possível “regressar” ao passado, mas se fosse, faria tudo de novo, menos uma, de certeza que não te iria perder!  

tags:

publicado por O Solitário às 22:51
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De anónima a 29 de Março de 2014 às 10:53
Texto Fascinante decerto que comoveu a pessoa a quem foi dedicado. Eu sinceramente fiquei comovida, e fiquei a pensar que a vida é sempre uma incógnita. Não tenho duvida que as grandes decisões não são fáceis de tomar e são sempre dolorosas.
Gosto da sua ultima certeza, infelizmente não se pode voltar ao passado senão em ficção!


De O Solitário a 29 de Março de 2014 às 12:15
Agradeço o comentário.

Sabe, o texto é escrito de uma forma sentida, de uma forma marcada por uma vivência curta mas muito intensa, por uma vivência que marcou e continua a marcar muito, por uma vivência muito linda e bela.

É verdade, infelizmente não se pode regressar ao passado senão em ficção, mas com a mesma certeza e como a vida é uma grande incógnita, podemos afirmar que não sabemos o que o futuro nos reserva!...Será que alguém sabe?

Aproveito para lhe desejar, um bom fim de semana



Comentar post

.sou eu....


. ver perfil

. seguir perfil

. 14 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Parabéns!

. Parque Marechal Carmona e...

. 25 de Abril Sempre!

. CHARLES AZNAVOUR AVE MARI...

. Parabéns Margarida!

. Cascais colorido...

. Caminhando por Cascais

. Caminhando por Cascais

. Cascais...

. Paço d' Arcos

. Devagar.

. Sons do silêncio

. O Tempo Passa? Não Passa

. Caminhos...

. Janelas e Primavera em di...

. Primavera

. Poema à Mãe

. Sons de Abril!

. Grândola Vila Morena

. 25 de Abril, Sempre!

.arquivos

. Novembro 2019

. Abril 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Junho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.visitas

online

.Visitas de Solidão

Free Web Counter
Clothing Stores
SAPO Blogs

.subscrever feeds